...

Como criar uma senha segura? Veja os cincos maiores erros que as pessoas cometem.

Senhas fazem parte do nosso dia a dia, no entanto, é necessário alguns cuidados na hora de cria-las. Veja nesta postagem 5 formas erradas de se criar uma senha e não seja mais alvo de crackers.

por Edson Pessoa
197 Visualizações

Se você é usuário de computador, dispositivos mobiles e de serviços através da internet já sabe que as senhas fazem parte de nosso dia a dia não é mesmo?

Bancos, cartões de crédito, contas de e-mail, redes sociais e lojas on-line estão entre os serviços mais utilizados ultimamente.

E o que existe em comum em todos estes serviços? A resposta obvia para esta pergunta é: Todos estes serviços dependem de uma senha de acesso.

No entanto, o real problema no que diz respeito as senhas é a forma como a criamos, ou seja, não adianta utilizar senhas se elas podem ser descobertas facilmente.

Por que devo me preocupar em ter uma senha segura?

A dia que passa a segurança na internet exige mais cuidados de quem é usuário de serviços da internet. 

São casos variados de uso indevido de informações pessoais por parte de grandes empresas, vazamento de dados por crackers, até os já conhecidos roubos de senha que sempre aparecem nos noticiários.

Só para você  ter ideia, a empresa de antivírus Kaspersky publicou uma pesquisa que mostra que em 2019 quase um milhão de pessoas foram alvos de malwares  para coletar suas senhas.

O que é considerado como um aumento de cerca de 60% em relação ao ano de 2018.

Por isso é muito importante ter uma senha considerada forte e que lhe mantenha fora desta estatística. 

Felizmente existem algumas maneiras de criar uma senha segura e existem também maneiras erradas de criar uma senha e que na maioria das vezes usamos sem ao menos perceber. 

Por este motivo, nesta postagem gostaria de abordar os 5 maiores erros que as pessoas cometem quando estão criando uma senha e que você deveria saber para não errar também.

Com certeza com estas dicas você terá o conhecimento necessário para criar senhas seguras e difíceis de serem descobertas. 

1.Não crie senhas sequenciais

Um dos maiores erros que muitas pessoas cometem quando estão criando uma senha é a de querer facilitar a vida, criando uma senha com números ou letras sequenciais.

No entanto, você esquece que ao criar uma senha fácil, ela não está simplesmente sendo fácil apenas para você mais também para pessoas mal intencionadas como um cracker por exemplo. 

Você sabe o que uma pessoa mal intencionada tenta primeiro quando quer descobrir uma senha?

Ele simplesmente tenta combinações de senhas fáceis e sequenciais como: “123”, “12345”, “abcd”, “112233” e por aí vai.

E não pense que ele fica tentando isso de forma manual, muitas das vezes os crackers utilizam robôs (um tipo de código de programação que realizam atividades especificas) que passam o dia gerando combinações de senha até descobrir a sua senha. 

Por este motivo, evite utilizar senhas sequenciais. 

Existem inclusive alguns serviços web e alguns sistemas que não permitem o uso de senhas sequenciais quando estiver criando uma senha.

2.Não use o número de seus documentos como senha

Outro erro muito comum que as pessoas cometem quando estão criando uma senha é utilizar o número de um documento como uma senha pessoal. 

Apesar de ser uma prática em tese mais segura do que usar números sequenciais, por outro lado, pode ainda assim ser descoberta por pessoas mal intencionadas que de repente presenciou você consultado um de seus documentos antes de digitar sua senha. 

Sendo assim, não utilize senhas baseadas em número de um documento, pois, agindo desta forma, você estará de maneira eficiente reforçando a segurança de sua senha. 

3.Não crie senhas com informações pessoais e/ou seus gostos

Muitas pessoas ao criar uma senha utilizam dias especiais como data de aniversário, data em que foi o casamento, placa dedo carro, data de nascimento de um filho, data de aniversário do pai ou da mãe, número de telefone entre outras. 

Outros que gostam de futebol colocam criam a senha com o nome do time favorito, quem gosta muito de uma banda musical acabam usando o nome dela como senha ou mesmo aquele livro que você tato gosta acaba se tornando a sua senha. 

Quando criamos senhas com informações pessoais temos o sentimento de que estamos gerando uma senha difícil de ser descoberta.

No entanto, nos esquecemos que quando alguém gosta muito de algo, isso fica claro para as outras pessoas ao nosso redor.

Logo, na cabeça de um cracker ou pessoa mal intencionada as chances de você criar uma senha com base em seus gostos ou em informações pessoais de pessoas próximas a você são grandes.

Lembre-se que um indivíduo mal-intencionado sabe bem disso, e ele vai se utilizar de todos os meios possíveis para descobrir sua senha.

Se trata de um processo longo, não é da noite para o dia que um cracker descobre a senha de uma pessoa. 

Portanto, fica a dica, não crie senhas com informações de pessoas próximas a você ou com base em seus gostos. 

4.Não utilize senhas muito curtas

Quando criamos uma senha sempre queremos focar em uma senha de fácil memorização e sempre optamos por uma senha que não seja tão extensa.

No entanto, quando criamos uma senha curta podemos facilitar a vida de quem esteja interessado em descobri-la.

Portanto, evite utilizar senhas muito curtas, preferindo senhas que estejam entre 8 a 15 caracteres.

5.Não use a mesma senha para vários serviços

Por último, um erro que as pessoas cometem quando criam uma senha é utilizar a mesma senha para todos os serviços que ela acessa.

Obviamente que hoje alguns sistemas como os de Internet banking e alguns serviços online não permitem a criação de senhas que não sejam reconhecidas como segura, no entanto, maior parte dos serviços não exige este tipo de validação.

Quando criamos uma senha estamos gerando um tipo de chave única que tem como objetivo proteger nossas transações, nossas informações e garantir que operações sejam feitas exclusivamente por uma única pessoa.

E mesmo que esta senha seja descoberta o que se espera é que o impacto de uma possível invasão seja isolado, unicamente em um lugar.

Agora imagine se sua senha é apenas uma para todos os seus serviços e acontece de ser descoberta? Todos os seus serviços poderão ser acessados e o impacto poderá ser desastroso.

Imagine alguém conseguir uma senha que conseguirá acesso a sua caixa de e-mail, ao seu perfil no Facebook, no Instagram, e em seu cadastro de uma loja na internet?

Portanto, para evitar este tipo de transtorno utilize senhas diferentes para cada serviço que você acessar.

Você também poderá gostar de:

Deixe um comentário

Ao utilizar este formulário você concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este site.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação. Caso você esteja de acordo com isso clique em "ACEITAR". Lembre-se que segundo as Leis RGPD e LGPD você poderá cancelar seu consentimento a qualquer momento. ACEITAR CONSULTE NOSSA POLITICA DE PRIVACIDADE