php - uma das liguagem mais utilizadas no desenvolvimento WEB
Imagem de rawpixel.com no Freepik

O que é PHP? 

PHP é uma linguagem de programação utilizada para desenvolvimento web, que permite criar sites dinâmicos e interativos.

Com o PHP, é possível criar páginas web que se adaptam às informações fornecidas pelo usuário, como formulários de contato ou sistemas de login, além de interagir com bancos de dados para armazenar e recuperar informações.

De forma simplificada, o PHP é uma ferramenta que possibilita a criação de páginas web que vão além do conteúdo estático, permitindo que o usuário interaja com o site e que a página se adapte às suas necessidades e preferências.

História do PHP?

O PHP (acrônimo para “Hypertext Preprocessor”) foi criado em 1994 pelo programador Rasmus Lerdorf como uma linguagem de script para gerenciar seu site pessoal.

Inicialmente, o PHP tinha funções básicas para lidar com formulários web e acesso a banco de dados.

Com o passar do tempo, a linguagem foi evoluindo e se tornando cada vez mais popular. Em 1997, a segunda versão do PHP foi lançada, já com suporte a módulos e melhorias na performance.

Em 2000, a versão 4.0 foi lançada com suporte a programação orientada a objetos, abrindo novas possibilidades para o desenvolvimento de aplicações web.

Em 2004, foi lançado o PHP 5, que trouxe grandes mudanças na linguagem, como a introdução de namespaces, melhorias na performance e suporte a interfaces e classes abstratas. Em 2015, o PHP 7 foi lançado, com melhorias significativas na performance e suporte a tipos escalares.

Ao longo dos anos, o PHP se tornou uma das linguagens de programação mais populares para desenvolvimento web, com uma ampla comunidade de desenvolvedores, bibliotecas e frameworks disponíveis.

A linguagem é amplamente utilizada para criação de sites, sistemas empresariais, aplicações web e muito mais.

Quais os principais detalhes sobre as versões do PHP?

O PHP possui várias versões, cada uma com suas características e melhorias em relação às versões anteriores. Aqui estão alguns detalhes sobre as principais versões do PHP:

  • PHP 3: lançada em 1997, foi a primeira versão amplamente utilizada e que permitiu a criação de páginas dinâmicas em sites.
  • PHP 4: lançada em 2000, introduziu a programação orientada a objetos (POO) na linguagem, além de melhorias na performance e suporte a módulos.
  • PHP 5: lançada em 2004, trouxe grandes mudanças na linguagem, como a introdução de namespaces, suporte a programação orientada a objetos avançada, novos recursos de gerenciamento de erro, melhorias na performance, entre outros.
  • PHP 6: Na verdade, o PHP 6 foi uma versão planejada, mas que acabou sendo cancelada antes do seu lançamento oficial. A ideia inicial era que o PHP 6 trouxesse melhorias significativas em relação ao suporte a caracteres Unicode, para tornar a linguagem mais amigável para diferentes idiomas e sistemas de escrita. No entanto, devido a alguns problemas técnicos e atrasos no desenvolvimento, o projeto foi abandonado em 2010.Em vez de lançar o PHP 6, a equipe de desenvolvimento optou por avançar diretamente para o PHP 7, que foi lançado em 2015 e trouxe uma série de melhorias significativas em termos de performance, segurança e sintaxe.
  • PHP 7: lançada em 2015, é considerada uma das maiores atualizações na história do PHP. A versão 7 trouxe melhorias significativas na performance, novos recursos de sintaxe, novas classes e funções, suporte a tipos escalares, entre outras melhorias.

Atualmente, a versão mais recente do PHP é a 8.0, lançada em 2020, que trouxe melhorias em termos de desempenho, segurança e sintaxe, além de novos recursos para desenvolvimento web.

É importante manter-se atualizado em relação às novas versões do PHP para aproveitar ao máximo os recursos mais recentes da linguagem.

Quais são as vantagens de trabalhar com a linguagem PHP?

O PHP não é uma das linguagens mais utilizadas para aplicações e websites da WEB por acaso.

Existem diversas vantagens em trabalhar com a linguagem PHP no desenvolvimento web, entre elas:

  1. Facilidade de aprendizado: o PHP é uma linguagem de programação de nível intermediário, com uma sintaxe simples e intuitiva, o que facilita bastante o aprendizado para quem está começando a programar.
  2. Amplamente utilizado: o PHP é uma das linguagens de programação mais utilizadas no desenvolvimento web, o que significa que há uma grande comunidade de desenvolvedores e muita documentação disponível para consulta.
  3. Versatilidade: o PHP pode ser utilizado para desenvolver desde pequenos sites pessoais até grandes aplicações empresariais, sendo capaz de integrar-se a diversos bancos de dados e outras tecnologias web.
  4. Custo-benefício: o PHP é uma linguagem open-source e gratuita, o que torna o desenvolvimento com essa linguagem uma opção mais acessível financeiramente.
  5. Performance: a linguagem PHP possui recursos que permitem melhorar o desempenho das aplicações web, como a opção de compilar o código e o uso de cache, o que pode resultar em páginas mais rápidas e com menor consumo de recursos.
  6. Compatibilidade: o PHP é compatível com a maioria dos sistemas operacionais e plataformas web, o que torna possível desenvolver aplicações que podem ser acessadas por diversos dispositivos e navegadores.

Quais são as desvantagens de trabalhar com a linguagem PHP?

Apesar das muitas vantagens, há algumas desvantagens em trabalhar com a linguagem PHP no desenvolvimento web, entre elas:

  1. Segurança: por ser uma linguagem de programação de fácil acesso, muitos desenvolvedores iniciantes podem criar códigos vulneráveis a ataques de hackers. Portanto, é necessário ter um cuidado especial para garantir a segurança das aplicações desenvolvidas em PHP.
  2. Escalabilidade: em alguns casos, a linguagem PHP pode ter limitações em relação à escalabilidade, o que pode resultar em problemas de performance em aplicações web de grande porte.
  3. Manutenção: a facilidade de aprendizado e de utilização do PHP pode resultar em códigos mal estruturados, difíceis de manter e atualizar, o que pode gerar custos adicionais para os desenvolvedores.
  4. Falta de padronização: apesar de existirem diversos frameworks para facilitar o desenvolvimento em PHP, há uma falta de padronização em relação às práticas recomendadas para programação em PHP, o que pode dificultar a colaboração em projetos em equipe.
  5. Compatibilidade: embora o PHP seja compatível com a maioria dos sistemas operacionais e plataformas web, algumas bibliotecas e extensões podem ser incompatíveis com determinados sistemas, o que pode gerar problemas de compatibilidade ao longo do desenvolvimento.

O que são frameworks em PHP?

Frameworks em PHP são conjuntos de bibliotecas e ferramentas que facilitam o desenvolvimento de aplicações web em PHP. Eles oferecem uma estrutura pronta para desenvolver aplicações, que pode ser personalizada para atender às necessidades específicas do projeto.

Alguns dos principais frameworks em PHP são:

  1. Laravel: um dos frameworks mais populares em PHP, o Laravel é conhecido por sua facilidade de uso, ampla documentação e grande comunidade. Ele oferece recursos como autenticação, roteamento, ORM e suporte a bancos de dados.
  2. Symfony: outro framework muito popular em PHP, o Symfony é considerado um dos mais robustos e completos da linguagem. Ele oferece recursos como injeção de dependência, validação de formulários e suporte a APIs REST.
  3. CodeIgniter: um framework leve e rápido, o CodeIgniter é indicado para projetos de pequeno a médio porte. Ele oferece recursos como MVC, suporte a banco de dados e gerenciamento de sessão.
  4. CakePHP: um framework com foco em produtividade, o CakePHP é conhecido por sua facilidade de uso e baixo tempo de aprendizado. Ele oferece recursos como scaffolding, autenticação e suporte a bancos de dados.
  5. Zend Framework: um framework com foco em segurança e escalabilidade, o Zend Framework é indicado para projetos complexos e de grande porte. Ele oferece recursos como MVC, autenticação, validação de formulários e suporte a bancos de dados.

Mercado de trabalho para quem é programador PHP

O mercado de trabalho para programadores PHP é bastante amplo e promissor, visto que o PHP é uma das linguagens de programação mais utilizadas no desenvolvimento web.

Há uma grande demanda por profissionais capacitados em PHP para desenvolvimento de sites, aplicações web e sistemas empresariais, tanto em empresas de desenvolvimento de software quanto em agências digitais e startups.

Além disso, muitas empresas têm suas aplicações e sistemas desenvolvidos em PHP, o que cria oportunidades para profissionais que dominam essa linguagem de programação.

Os salários para programadores PHP variam de acordo com a experiência e o nível de especialização do profissional, mas em geral são bastante competitivos.

De acordo com a plataforma de empregos Indeed, a média salarial para programadores PHP no Brasil é de cerca de R$ 4.500 a R$ 5.000 mensais, podendo chegar a valores mais altos em posições mais sênior e em empresas maiores.

Conclusão

Como vimos nesta postagem, aprendemos o que é o PHP, como surgiu e suas características como linguagem de programação.

Também abordamos a utilização do PHP no desenvolvimento web, listando suas vantagens e desvantagens, além de apresentar alguns dos principais frameworks em PHP disponíveis no mercado.

Com base em tudo que vimos por aqui podemos concluir que o PHP é uma das linguagens de programação mais utilizadas no desenvolvimento web, sendo amplamente utilizado para criação de sites, aplicações web e sistemas empresariais.

Sua facilidade de aprendizado, versatilidade e performance são algumas das características que tornam o PHP uma excelente opção para desenvolvimento web.

No entanto, é importante estar ciente das desvantagens, como problemas de segurança e escalabilidade, e tomar medidas para minimizar esses riscos. Além disso, a escolha do framework ideal depende das necessidades e objetivos específicos do projeto.

Em resumo, o PHP é uma linguagem de programação essencial para quem trabalha com desenvolvimento web, e a escolha correta do framework pode tornar o desenvolvimento de aplicações web mais fácil e eficiente.

Compartilhe este post sobre o que é o PHP! Se você conhece alguém que está interessado em aprender sobre desenvolvimento web ou que já trabalha com PHP, essa postagem pode ser uma grande ajuda.

Além disso, você estará ajudando a disseminar conhecimento sobre essa importante linguagem de programação. Então, não perca tempo e compartilhe agora mesmo!

Você também poderá gostar de ler:  Html – Conheça melhor sobre esta linguagem de programação

INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

Agora que você já leu nosso conteúdo, o que acha de se cadastrar em nossa lista VIP e receber nossos conteúdos com prioridade?

Sobre o Autor

Edson Silva

Edson Silva é Especialista em Tecnologia e Tecnólogo em Marketing Digital. No seu tempo disponível se dedica a criação de conteúdo que educa, informa e gera valor para as pessoas.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile